Bruno Oliveira

Meninos resgatados de caverna na Tailândia terão alta na próxima semana, diz governo


O governo da Tailândia anunciou neste sábado (14) que os 12 garotos resgatados de uma caverna inundada terão alta do hospital na próxima quinta-feira (19).
"Precisamos preparar as crianças e suas famílias para a atenção que receberão quando saírem", afirmou o ministro da Saúde do país, Piyasakol Sakolsatayadorn.
Em uma longa e tensa operação de resgate, os meninos do time de futebol, além de seu treinador, foram retirados da caverna Tham Luang, no norte do país, perto da fronteira com Mianmar, na noite de terça-feira  (10).


Após o resgate, eles foram levados para um hospital, para que se recuperassem física e emocionalmente.
Três crianças e o treinador tiveram infecção nos pulmões e estão tendo que tomar remédios por sete dias.
Os 12 meninos e o técnico estavam explorando as cavernas de Tham Luang Nang Non no dia 23 de junho e ficaram presos quando o local alagou devido a chuvas.
Os meninos, com idades entre 11 e 16 anos, perderam em média 2 kg no período em que ficaram na caverna -de 18 dias, para os últimos a sair. Nos dez antes de serem achados, tomavam água que pingava da parede.


Para sair, cada um deles fez o trajeto usando tanques de oxigênio e foi acompanhado por dois mergulhadores durante o percurso, que incluiu passagens escuras e apertadas, cheias de água barrenta.
Com o fim do resgate, a caverna deve ser fechada para ter a segurança reforçada e depois será reaberta ao turismo.



últimas

  1. Edições falsas do Washington Post com notícia de saída de Trump são distribuídas nos EUA
  2. Polícia descarta tentativa de execução em caso de deputada que teve carro baleado
  3. México se oferece para mediar diálogo entre Maduro e oposição venezuelana
  4. Covas revoga ordem que proibia servidor de alimentar animais em cemitérios de SP
  5. Ex-ministro da Saúde é acusado de favorecer empresas em compra de remédios
On Top